• Flavia Andrade

Café: um excelente aliado dos brasileiros

Tradicional bebida traz vantagens para saúde como aumento de defesas no organismo


(Foto: Divulgação)

O tradicional café é um excelente aliado. Além de saboroso, faz bem para o coração e apresenta outros benefícios para a saúde. A bebida é adorada em todos os países e tem data marcada no calendário. Nesta quarta-feira (14), é celebrado o Dia Mundial do Café. A nutricionista do Fort Atacadista Letícia Tizziani explica sobre as vantagens do consumo moderado e os malefícios de doses exageradas de café.


Rico em antioxidantes, o café contribui para a prevenção do câncer. A bebida estimula a produção de enzimas, responsáveis pelo combate dos radicais livres, e impede o surgimento de mutações que desenvolvem tumores. “O café não é um medicamento. É preciso ter clareza que a bebida não tem propriedades suficientes para evitar doenças degenerativas, mas pode aumentar as defesas do organismo,” ressalta a nutricionista.


Outro benefício é o combate à depressão. A cafeína alivia o estresse, melhora o humor e desenvolve o raciocínio. Isso ocorre porque a bebida estimula a serotonina e a noradrenalina. Esses neurotransmissores contribuem para o bem-estar e aumentam a disposição. De acordo com a nutricionista, a incidência da doença é menor para pessoas que ingerem de três a quatro xícaras de café por dia em comparação as que não tomam ou consomem em menos quantidade.


O café também tem um papel importante na perda de peso. A cafeína é responsável pelo efeito termogênico. Além de estimular a digestão, melhora o desempenho de atividades físicas e queima as gorduras do corpo. “Ainda, pode ser um excelente aliado para crianças que precisam combater a obesidade. O café com leite é nutritivo e pode substituir bebidas artificiais, geralmente, presente na dieta infantil. No caso das gestantes, o consumo deve ser moderado, pois pesquisas não comprovam benefícios e malefícios e muitas informações são de caráter duvidoso”, aponta a nutricionista.


Além de auxiliar na perda de gordura, o café também contribui na redução da glicose e da insulina. Os ácidos clorogênicos e trigonelina são responsáveis por diminuir os riscos de desenvolver diabetes tipo II. Também previne contra a formação de cálculos renais, melhora as funções pulmonares e reduz os sintomas de asma.


Para tranquilizar os apaixonados, o café faz bem para o coração. “O consumo reduz as chances de ter pressão alta sistólica e diastólica. Também diminui os níveis de homocisteína no sangue, um aminoácido que aumenta o risco de doenças cardiovasculares como Acidente Vascular Cerebral (AVC) e infarto cardíaco. Entretanto, pessoas que possuem restrições alimentares, devem seguir a orientação do seu profissional”, afirma Tizziani.


De acordo com a nutricionista, o principal segredo é não exagerar. “O café deve ser consumido durante o dia, com intervalos de duas a três horas. No período noturno a bebida deve ser evitada, pois retarda o sono e pode provocar fadigas motoras e crises de ansiedade, aumentando a frequência cardíaca. Controlando as doses diárias, os brasileiros podem saborear o café sem riscos para as saúde”.


Café com estilo no atacarejo

De olho no mercado, uma das estratégias do Fort Atacadista na capital, para atrair os consumidores amantes da bebida, traz um variado mix de marcas Dentre as mais estilosas estão as cápsulas de café do Starbucks, a famosa marca de cafeterias norte-americana. Segundo a coordenadora de marketing regional, Rafaellen Duarte, as cápsulas chegam para compor a variedade de mercadorias oferecidas pela rede. “Temos grande variedade de produtos e com a chegada do Starbucks em nossas unidades, poderemos oferecer uma experiência atrativa de compra”, pontua. A marca encontra-se com exclusividade na loja da Cel Antonino.

6 visualizações0 comentário