• Flavia Andrade

CES 2021 começa nesta segunda em formato digital


(Foto: Reprodução/Instagram)

Evento costuma acontecer em Las Vegas, nos EUA, mas terá transmissões virtuais neste ano.


Nesta segunda-feira (11), a Consumer Electronics Show (CES), a maior feira de tecnologia do mundo, acontece pela primeira vez no formato totalmente virtual, devido à pandemia de Covid-19.


Com o novo formato, o número de empresas participantes diminuiu. A Consumer Technology Association (CTA), organizadora da feira, informa que cerca de 1.900 companhias farão exibições neste ano, quantia é considerada menos da metade das 4.400 que participaram da edição de 2020.


Entre as empresas que não participarão nesta edição estão Amazon e Google não estarão presentes oficialmente, ao contrário do que aconteceu em outras edições. Já entre os nomes de peso que foram confirmados estão Microsoft, Samsung, LG e Sony.


A primeira versão digital do evento será baseada em 3 pilares, e que os conteúdos poderão ser acessados por meio do seu site:


Segundo a CTA serão disponibilizadas Palestras e conferências: as pessoas poderão assistir de casa aos anúncios das empresas de tecnologia;


Vitrine de produtos: produtos não ficarão mais restritos aos pavilhões da CES. Segundo a organização, os visitantes virtuais poderão explorar produtos e serviços, com base em seus interesses e negócios, por meio de vitrines dinâmicas de produtos ou demonstrações ao vivo.


Reuniões e networking: a CES irá oferecer interações ao vivo, encontros e discussões em mesas redondas com executivos. Essa opção exige um registro.

0 visualização0 comentário