• Flavia Andrade

Cinco Projetos são aprovados e dois Vetos do Executivo mantidos nesta terça-feira


Entre os projetos está o 9.238/19 que dispõe sobre a implantação do Núcleo de Evidência em Saúde - NEv ‘ Plataforma de Tradução de Conhecimento’ em Campo Grande. (Foto: Izaias Medeiros/CMCG)

Nesta terça-feira (07), durante a sessão ordinária, os vereadores de Campo Grande aprovaram cinco Projetos e mantiveram dois Vetos do Executivo.


Em regime de urgência, em única discussão e votação, foi aprovado o Projeto de Resolução 424/19, do vereador Eduardo Romero, que institui a Medalha Legislativa “Francisco Anselmo de Barros”, no âmbito do Município de Campo Grande. A medalha será outorgada aos profissionais que tenham prestado relevantes serviços a sociedade através de pesquisa, trabalhos publicados, de iniciativa própria ou através de organizações e instituições de ensino. Francisco Anselmo era jornalista e ativista possuindo enorme caminhada ligada a defesa do meio ambiente, especialmente no Pantanal.


Ainda em única discussão em votação, em regime de urgência, foi aprovado o Projeto de Lei 9.328/19, do Executivo Municipal, que dispõe sobre a implantação do Núcleo de Evidência em Saúde - NEv 'Plataforma de Tradução de Conhecimento' no Município de Campo Grande e dá outras providências. Conforme mensagem da proposta, os Núcleos de Evidência trabalham como instrumentos de coleta, síntese e veiculação das melhores evidências científicas disponíveis para os tomadores de decisão em saúde no enfrentamento dos desafios que se fizerem necessários.


Em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei 9.174/19, do vereador Chiquinho Telles, que dispõe sobre a isenção na taxa de inscrição de concurso público municipal para voluntários que servirem a Justiça Eleitoral e dá outras providências.


Já em segunda discussão, os vereadores aprovaram o Projeto de lei 8.720/17, que institui nas escolas municipais de Campo Grande, a presença de profissionais de psicologia para atendimento das crianças com deficiência. A proposta é dos vereadores William Maksoud e Dr. Lívio.


Também foi aprovado em segunda discussão, o Projeto de Lei 8.827/18, do vereador Carlão, que autoriza o Poder Executivo a implantar a carteira de vacinação eletrônica em Campo Grande e dá outras providências.


Os vereadores mantiveram Veto total ao Projeto de Lei 9.075/18, da vereadora Dharleng Campos, que institui o Programa Vovô e Vovó na Escola, na rede de ensino do Município de Campo Grande e dá outras providências. Também foi mantido Veto parcial ao Projeto de Lei 9.039/18, que institui a Semana Municipal do Muay Thai em Campo Grande, a ser comemorada na semana do mês de março a qual coincide com o dia 17, e dá outras providências. A proposta é do vereador Papy.

4 visualizações0 comentário

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade