• Flavia Andrade

Com prazo para votação expirando, MPs serão votadas na próxima segunda.


Parlamentares questionaram a votação sem tempo para análise dos textos. (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)

Nesta quinta-feira (30), alguns senadores conseguiram remarcar a votação de duas MPs para a próxima segunda (3), às 16h, essas medidas perdem a vigência no próximo dia (03 de junho). Os parlamentares demonstraram irritação pela falta de tempo para analisar e debater as medidas que foram aprovadas ontem (29) pela Câmara.


Entre elas a MP 871/2019, que busca combater fraudes no Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), ao criar um programa de revisão de benefícios e exigir cadastro de trabalhadores rurais. A outra é a MP 872/2019, que prorroga o prazo para pagamento de gratificação a servidores cedidos para a Advocacia-Geral da União (AGU) e altera a regra de critérios para a contratação e promoção de bombeiros militares do Distrito Federal. Elas deixarão de valer a partir desta segunda-feira, 3 de junho, mesmo dia que os senadores marcaram a votação.

0 visualização

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade