• Flavia Andrade

Consórcio Guaicurus alega atenção durante início das alterações dos itinerário dos transportes


(Foto: Flavia Andrade)

O diretor-presidente do Consórcio Guaicurus, João Rezende, esteve presente na Câmara Municipal de Campo Grande, nesta terça-feira (11), para acompanhar a apresentação da consultora e arquiteta Maria de Fátima Silva, diretora geral da Pait Consultores, empresa contratada para elaborar pesquisa para embasar mudanças que pudesse otimizar o ordenamento da rede, reduzindo os problemas para oferecer serviço de maior qualidade à população e atrair novos passageiros.


De acordo com o diretor do Consórcio Guaicurus, João Rezende, "Toda mudança gera desconforto, porém, não fizemos a mudança sem pensar na população, tudo foi estudado e calculado para que atendesse da melhor forma os usuários do transporte coletivo", pontua.


Entre as reclamações já recebidas pelo consórcio após as alterações nos itinerário, João Rezende destaca que, "Estamos analisando as melhores formas de atender as pessoas que por algum motivo tem que sair mais cedo e estão chegando um pouco mais tarde em casa por conta das alterações. Desde aquele que foi obrigado a descer um pouco mais longe ou o ponto de ônibus se encontra em uma área com pouca iluminação, na qual ele corre o risco de ser assaltado diversas vezes ao longo do dia. Tudo está sendo analisado após o início do novo trajeto pelo ônibus", enfatiza.


Ainda conforme o diretor do Consórcio, "Hoje, a média diária é de 330 mil passageiros transportados por dia no transporte coletivo de Campo Grande. Destes, 129 mil passam pela integração nos terminais. Muitas pessoas acabavam sendo obrigadas a passar pelos terminais atrasando os seus trajetos e hoje seguem direto para o centro da cidade", conclui.

6 visualizações0 comentário

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade