• Flavia Andrade

José Dirceu deve se entregar à PF, em Curitiba até o fim desta sexta


Justiça do Paraná mandou prender novamente o ex-ministro para cumprimento da pena de 8 anos e 10 meses pela segunda condenação dele na Lava Jato. ( Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Arquivo/Agência Brasil)

O ex-ministro José Dirceu tem até as 16h desta sexta-feira (17), para se entregar à Polícia Federal (PF), em Curitiba. O prazo foi estipulado pelo juiz federal Luiz Antonio Bonat.

Dirceu teve mandado de prisão expedido novamente para cumprimento da pena da segunda condenação dele na Lava Jato.


A determinação deu-se após o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negar, por unanimidade, um recurso da defesa, que pedia prescrição da pena pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.


A defesa do ex-ministro ainda pode recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). Os advogados também podem tentar um último recurso, chamado de embargos dos embargos, no próprio TRF-4.


José Dirceu foi condenado em primeira instância por corrupção e lavagem de dinheiro, em 2017, em um processo que investigou recebimento de propina em um contrato com a empresa Apolo Tubulars para o fornecimento de tubos para a Petrobras, entre 2009 e 2012.


0 visualização

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade