• Flavia Andrade

LDO é aprovada em segunda discussão na Câmara de Campo Grande


Lei de Diretrizes Orçamentárias teve 152 emendas incluídas para o exercício financeiro de 2020. (Foto: Izaias Medeiros/CMCG)

Nesta quinta-feira (27), em sessão extraordinária convocada pela Mesa Diretora, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o exercício financeiro de 2020, foi aprovada em segunda discussão. A proposta é do Executivo e recebeu 152 emendas dos parlamentares. 


O Projeto de Lei 9.310/19, que dispõe sobre as diretrizes para elaboração da Lei Orçamentária do Município de Campo Grande para o exercício financeiro de 2020. de autoria do Executivo recebeu 152 emendas dos vereadores, sendo aprovada em segunda discussão e votação durante sessão extraordinária, realizada na sequência da sessão ordinária. 


A proposta contendo as emendas segue para a sanção ou veto do prefeito Marquinhos Trad. A maioria das emendas refere-se a área da infraestrutura e segurança pública, segundo o relator do Projeto, vereador Odilon de Oliveira. 


A LDO é usada para estabelecer metas da administração pública e como base para elaborar o orçamento, que é definido por meio da Lei Orçamentária Anual (LOA). O montante consolidado do orçamento será encaminhado em outro projeto de lei do Executivo, baseado nessas diretrizes definidas, o qual deve chegar à Casa de Leis até 30 de setembro de 2019. A LDO aponta projeção da receita de R$ 4,3 bilhões para o próximo ano.

0 visualização

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade