• Flavia Andrade

Obra do Reviva Campo Grande deve ter aditivo superior a R$ 12,2 milhões

Ainda não tem previsão para ser liberado segundo Catiana Sabadin



Ainda não tem previsão para ser liberado segundo Catiana Sabadin (Divulgação/PMCG)

Orçada em R$ 58 milhões, a empresa que venceu a licitação, Engepar Engenharia, ofereceu os serviços por R$ 49 milhões para a revitalização da Rua 14 de Julho. Após nove meses do início das obras do Reviva Campo Grande, coordenadora da Central de Projetos, Catiana Sabadin, aponta que "o aditivo está em análise e não deve chegar a 25%", porém, o adicional ainda não tem previsão de ser liberado.


Ainda conforme a coordenadora da Central de Projetos, Catiana Sabadin, “o aditivo ainda está em análise e não deve chegar a 25%, que é o máximo permitido por lei. Caso chegue a esse limite, a obra pode atingir R$ 61,250 milhões. A planilha inteira era de R$ 58 milhões, mas a empresa entrou com R$ 49 milhões, ficou abaixo. E não teve reprogramação”, conclui sabadin.

0 visualização

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade