• Flavia Andrade

Prefeitura lança calendário de combate ao Aedes com fumacê e orientações em Corumbá

Buscando cumprir o calendário de ações da Saúde durante o Carnaval, é intensificada as orientações e fumacê neste período.



Buscando cumprir o calendário de ações da Saúde durante o Carnaval, é intensificada as orientações e fumacê neste período. (Divulgação/Prefeitura)

As ações de combate ao Aedes Aegypti em Corumbá,serão realizados através da Coordenação de Vigilância Ambiental em Saúde, para a intensificação de combate ao vetor, e as ações de conscientização da população.


Com aumento na aplicação do inseticida durante os dias 27 de fevereiro a 5 de março, por meio da bomba motorizada, popularmente conhecido como Fumacê, nas ruas que englobam o perímetro do Samba e outros locais com maior fluxo de turistas e foliões.


Será realizada uma panfletagem no dia 01 de março, com adesivagem e orientações a motoristas no Lampião Aceso, no período das 7h30 às 11h. Entre as orientações que serão realizadas, a biologia dos vetores, prevenção e promoção da saúde em relação a doenças vetoriais, também será entregue 200 “Lixocar”. Para a ação a prefeitura terá o apoio de 10 Militares do Exército Brasileiro.


Segundo o Secretário de Saúde, “Durante o carnaval a cidade tem alto fluxo de turistas, além do período ser de maior umidade pluviométrica, vamos realizar a aplicação do fumacê na madrugada, após às 4hs da manhã para não atrapalhar a folia, mas reforçamos a importância da co-responsabilidade entre a comunidade e o poder público municipal, é fundamental que os moradores tenham a consciência de manter limpa suas casas e quintais, não deixando entulho ou reservatório que acumule água”, afirma.


Conforme os dados do LIRAa


Em Corumbá, os Bairros com maior incidência são: Centro América, Cravo Vermelho, Guatós, Nova Corumbá, Cristo Redentor e Guarani.


Segundo os dados do último Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes Aegypti (1°LIRAa 2019), que compreende o período de 07 a 11/01/2019 realizado pela Secretaria Municipal de Saúde apontou que Corumbá está com 1,4% do Índice de infestação do mosquito. O número é considerado Médio Risco (Alerta), pelo Ministério da Saúde.


Critério de avaliação dos valores do Índice de Infestação Predial(IIP):


Risco Valores


Baixo(satisfatório) 0% < IIP ≤0,9%


Médio (alerta) 1% ≤ IIP ≤3,9%


Alto (risco de surto) IIP ≥ 4%


Os bairros que possuem os índices mais altos são Centro América IIP 7,4% e o Cravo Vermelho IIP

6,7%, seguidos do bairro Guatos IIP 4,7%, Nova Corumbá IIP 4,0%, Cristo Redentor IIP 3,9%, Guarani IIP 2,8% e Popular Velha IIP 1,2%.

5 visualizações

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade