• Flavia Andrade

Prefeitura participa pelo segundo ano do Dia Mundial da Limpeza

No próximo dia 21 de setembro, a Prefeitura de Campo Grande irá participar do Dia Mundial da Limpeza. Com o objetivo de limpar coletivamente o país, o evento começou a ser realizado na pequena nação da Estônia em 2008, quando 50 mil pessoas se reuniram para limpar o país inteiro em apenas cinco horas. Após o sucesso da limpeza na Estônia se espalhou pelo mundo e agora são mais de 158 países que organizam limpezas baseadas no mesmo modelo. Seuundo a Prefeitura, em Campo Grande, no ano passado, o Dia Mundial da Limpeza mobilizou cerca de de 400 pessoas no Centro de Educação Ambiental- CEA Imbirussu, onde foram recolhidas mais de 2 toneladas de lixo em apenas uma hora.

A ação será realizada no dia 21 de setembro, no Centro de Educação Ambiental Anhanduí, no período da manhã. Com o intuito de reunir aproximadamente 800 pessoas com um propósito único de deixar a cidade de Campo Grande um pouco mais limpa e chamar atenção da sociedade para o problema do descarte irregular do lixo no meio ambiente. Conforme a diretora-presidente da Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano (Planurb), Berenice Jacob Domingues relembra que Campo Grande já possui quatro ecopontos instalados. “Desde 2018, a população possui a sua disposição os ecopontos espalhados pelas regiões urbanas de Campo Grande. Estes são locais de entrega voluntária regular e gratuita que recebem resíduos recicláveis (metal, plástico, vidro, papel e papelão), resíduos gerados em construções, demolições e pequenas reformas em prédios ou residências, além de volumosos (mobílias, sucatas e madeiras) e resíduos provenientes de poda de árvores e galhadas. Quanto mais pessoas utilizarem os ecopontos, menos resíduos serão descartados irregularmente no meio ambiente”, destaca. Para o secretário municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana, Luís Eduardo Costa, “Não podemos admitir que práticas como o descarte irregular de resíduos degradem o meio ambiente. É importante o cidadão ter consciência em descartar seus resíduos corretamente, pois muitos desses resíduos podem ser reaproveitados, como por exemplo, o caso dos resíduos da construção civil. Infelizmente, ainda observamos o descarte destes resíduos em terrenos e às margens dos córregos”, observou. Para Costa campanhas como o Dia Mundial da Limpeza auxiliam na conscientização e na realização de um trabalho realizado em conjunto entre a gestão pública e a população. Serviço: Os interessados em participar da ação devem realizar a inscrição pelo site: tinyurl.com/worldcleanupday

1 visualização

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade