• Flavia Andrade

Programa “Avançar Contínuo” da Sanesul investirá 260 milhões de reais em 32 cidades

Empresa pretende ampliar o tratamento da rede de esgoto em Mato Grosso do Sul



Empresa pretende ampliar o tratamento da rede de esgoto em Mato Grosso do Sul (Reprodução/Sanesul)

Cerca de 32 cidades do estado que ainda não são atendidas pela Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) vão ter um investimento de aproximadamente R$ 260 milhões da Estatal. O crédito será obtido através de um empréstimo junto a Caixa Econômica Federal, a qual classifica a empresa no nível A, ou seja, como adimplente em seus pagamentos.


Além destes, os municípios de Bandeirantes e Corumbá (já atendidos pela empresa) estão em negociação para serem englobadas no projeto, assim como a região da Grande Dourados. A Sanesul espera anunciar ainda no primeiro semestre de 2019 as 32 cidades contempladas com o investimento na rede de saneamento básico.


De acordo com o Diretor-presidente Walter Carneiro Junior, “ Os projetos da Sanesul são aprovados pela Agência Nacional da água (ANA) e Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) antes de serem executados. Nós temos em andamento projetos ambientais que contemplam o reflorestamento de mananciais, recuperação de bacias hidrográficas com ações específicas em cada município. Em Bandeirantes, por exemplo, nós estamos fazendo um plano de 30 anos para as ações socioambientais", declara.


Ao todo, são 32 projetos englobados pelo programa Avançar Contínuo traçado no plano de metas da empresa para ampliar o tratamento da rede de esgoto, o qual passará de 60% para 80%. Cerca de 128 localidades são atendidas atualmente, com abastecimento de água tratada e esgotamento sanitário, sendo 68 municípios e 60 distritos abastecendo aproximadamente 1.519.141 sul-mato-grossenses. Dados apontam mais de 570 mil ligações de água e 162.562 mil ligações de esgoto, alcançando o índice de 99,5% de cobertura de água e 43% de cobertura de esgoto.


Ainda conforme o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro, “O serviço prestado pela empresa muitas vezes só é percebido quando ocorre um problema. E, no dia 22 de março, dia Mundial da Água, vale lembrar que a qualidade é o principal. "A gente trabalha 24h por dia, durante sete dias por semana para atender o consumidor. Porque ele nos cobra. O produto que a gente entrega é de qualidade e o que é devolvido para a natureza também, sempre sendo fiscalizado", conclui.

5 visualizações

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade