• Flavia Andrade

Soraya Thronicke aposta em Capitão Contar para Prefeitura em 2020

Segundo a Senadora, o PSL irá dar oportunidades aos novos nomes para disputar a próxima eleição.



Segundo a Senadora, o PSL irá dar oportunidades aos novos nomes para disputar a próxima eleição. (Izaias Medeiros / CMCG)

Nesta segunda-feira (18), ao ser questionada com relação ao futuro do PSL em Mato Grosso do Sul, Senadora Soraya Thronicke e atual presidente Estadual do partido, destaca que, “Fui escolhida pelo Luciano Bivar, e vou estar a frente do partido durante o período determinado. Eu e todos os demais que compõem a diretoria fomos escolhidos por merecimento, juntando todos que hoje estão ali, o PSL tem cerca de meio milhão de votos. Nada é definido apenas por mim, tudo é definido em consenso, em conjunto. O PSL quer buscar dar voz a todos que compõem o partido, para isso é preciso estarmos em sintonia”, afirma Soraya.


Com relação as eleições 2020, a Senadora Soraya Thronicke enfatiza que, “ para mim, quem está melhor preparado atualmente e tem condições de ganhar as eleições, porém, não sei se irá aceitar o convite, é o Deputado Estadual Capitão Contar. Vamos expor a decisão quando chegar a hora e esperamos que ele acolha, apesar de ter dito que ele quer dar continuidade ao mandato dele. Mas isso é questão de conversar, e se o partido solicitar, eu acredito que ele abrace a decisão”, pontua Senadora.


A Senadora Soraya Thronicke participou da audiência pública, nesta segunda-feira (18), na Câmara Municipal de Campo Grande, para tratar sobre o tema “Cotas Partidárias e a Efetiva Participação das Mulheres na Política. Vamos empoderar?”, proposta pelo presidente da Casa, vereador Professor João Rocha.


Para ela, as mulheres devem lutar por 50% de cadeiras no Legislativo tanto para elas, quanto para os homens. “Devemos lutar e igualar o número de cadeiras tanto para mulheres, quanto para os homens, uma vez que ainda existe a diferença salarial entre as classes. Nós temos as mesmas capacidades de fazer o que os homens fazem, com exceção de casos em que seja necessário a força física, porque não temos as mesmas condições físicas que os homens”, conclui.

10 visualizações

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade