• Flavia Andrade

TRE informa como como realizar a transferência do título de eleitor


A transferência ocorre quando o eleitor realizar a mudança do seu domicílio eleitoral para outro município, estado ou país. (Foto: Divulgação/TRE-MS)

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) informa aos eleitores que não residem mais no município cadastrado que devem realizar a transferência do documento para que possam votar e estabelecer um vínculo formal com o lugar onde vivem atualmente.


De acordo com o TRE, para realizar a transferência do seu domicílio eleitoral, o elei­tor deve comparecer ao Cartório ou Fórum Eleitoral do municí­pio para o qual deseja transferir seu título, e apresentar documento de identidade (original e cópia), Comprovante de endereço (original e cópia de conta de água, luz, telefone, conta bancaria, etc.), e o Título Eleitoral antigo para inutili­zação pela justiça Eleitoral.


Além disso, é importante, também, que o eleitor fique atento às seguin­tes exigências a fim de solicitar a transferência do seu domicílio eleitoral:


O eleitor deverá estar quite com a Justiça Eleitoral, ou seja, deverá ter cumprido suas obrigações legais;


Deverá ter transcorrido, pelo menos, um ano desde o alistamento ou da última transferência feita pelo eleitor;


O eleitor deverá estar residindo no novo domicílio há, no mínimo, três meses.


Caso haja revisão de eleitorado no município em que vota, o comparecimento do eleitor no Cartório é obrigatório, sob pena de cancelamento do título.

1 visualização

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade