• Flavia Andrade

Vereador Carlão pede suspensão das prestações de moradias populares a EMHA


(Foto: Izaias Medeiros/CMCG)

Nesta terça-feira (31), durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Campo Grande, o vereador Carlos Augusto Borges (Carlão PSB), destacou a ação do Governo do Estado suspendendo o vencimento das prestações de março a junho dos contratos da Agência de Habitação Popular (Agehab). A medida irá beneficiar cerca de 56 mil mutuários sul-mato-grossenses durante a pandemia. Com isso o parlmentar sugeriu que a Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários (EMHA) siga ação similar com os mutuários da Capital.

Para Carlão, “São ações louváveis. Nestes meus mais de 36 anos de luta pelo setor da moradia, vejo essa atitude do Governador Reinaldo como um ato humanitário. Essa pandemia está atingindo a população em geral e muitos não conseguirão arcar com seus compromissos, esse prazo ajuda muito tranquilizar a população. Os valores das parcelas do período serão acrescentados ao final do contrato. Sendo que a primeira parcela deverá ser paga trinta dias após o vencimento da última prestação do contrato, e as demais parcelas nos meses subsequentes. Sugiro a nossa EMHA que siga esse exemplo, dentro das possibilidades do Município visando ajudar os mutuários que enfrentam problemas nessa Pandemia”, enfatiza.

Ainda durante a sua fala, o vereador elogiou a atuação do prefeito Marquinhos Trad em atendimento as periferias. Segundo Carlão, “Esse atendimento as famílias de baixo poder aquisitivo é fundamental nesse momento de crise na saúde e na economia. Já que está tudo parado. As pessoas da economia informal não estão conseguindo o sustento ”, diz.

Por fim, Carlão destacou as medidas realizadas pela Casa de Leis, “Adotamos medidas de prevenção, nossas sessões estão ocorrendo sem o público externo, e a Casa de Leis também estringiu atendimento. Criamos a Comissão Especial em apoio ao Combate ao COVID -19. A Câmara Municipal também cedeu veículos, com motorista e combustível, para auxiliar a Secretaria Municipal de Saúde na campanha de vacinação contra gripe na casa de idosos acamados ou com graves dificuldades de locomoção. Na área social estamos organizando uma forma de atendermos famílias em situação de vulnerabilidade com cestas básicas. Também estamos votando de forma emergencial os Projetos do Executivo de enfrentamento a Pandemia. Como os planos de carreiras dos profissionais da Enfermagem, Médicos, Odontólogos e da Vigilância Sanitária. Criamos o Fundo Municipal de Combate ao Coronavírus, Lei já sancionada pelo prefeito”, conclui.

1 visualização

067996110911

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Instagram Social Icon

©2018 by Flavia Andrade